sábado, 6 de agosto de 2011

7° Capitulo

Carlos está no hospital , lembra que tem que avisar á Inácio sobre o estado onde se encontrava sua irmã , que era na bera da morte.
Carlos( com a voz triste) : Alô , Inácio ??
Inácio : Sim é ele.
Carlos (triste) : Inácio você tem que vim para cá , a Karla tá muito mal , os médicos não  2 dias para era, é melhor você vim rápido para cá ela quer muito te ver.
Inácio (Fica triste) : Eu tava mesmo pensando em ir embora, eu vou hoje mesmo no primeiro voo que tiver .
Inácio então se despede de Carlos, como já estava com as malas pronta, desce do seu quarto , vai até a recepção e fecha sua conta , ele sai , com sorte ele encontra um táxi em frete do hotel , vai para o Aeroporto , onde por sorte  encontra uma  vaga para ele. Depois de alguns horas ele chega no Brasil , ele vai direto para o hospital.
Inácio com mala e tudo entra no hospital preocupara procurando Karla, ele encontra Piedro.
Inácio : Cadê ela ,Cadê ??
Piedro : Calma ela tá na UTI , mas vc pode ir vê-lá , ela quer muito ver você.
Inácio entra no quarto triste ao ver sua amada naquele estado diz: Meu amor você vai ficar bem .
Karla (sem animo)  : Meu amor , me perdoa , por o tempo que eu fique longe de você , você é o meu amor é com você que eu devia ficar , o tempo  que eu fiquei com Piedro só fizeram eu ter a mais certeza disso.
Inácio (de pé na frete dela , segura a mão dela , olhando bem para os seu olhos) : Eu também te amo e nunca te esqueci.
Karla (mais fraca): Eu te amo.
Segundos depois ela morre. Inácio Chora gritando Não , os médicos , enfermeiras entram , ele chorando, Piedro , Carlos entram no quarto .
Piedro (triste , tenta acalma-ló) : Calma , ela sempre te amou.
Inácio inconformado , sai correndo do hospital , ele atravessa a rua sem olhar para os lado , uma carro de passei não consegue para , ele é atropelado. Os médicos rapidamente vai socorrer , mais não adiante ele morre.
Os desejo dele era ser cremado e sua cinzas jogada em um campo de flores   e assim foi , os dois foram cremada e sua cinza jogada em um campo de flores. Onde viveram para sempre .










Fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário